Pergunta do dia (outra)

setembro 2, 2011 em Vídeos Youtúbicos

Afinal, o que Deus tinha na cabeça quando inventou de criar o pobre? Esse vídeo é um dos exemplos incompreensíveis dos desígnios do Criador em sua Divina Sabedoria. Refrigerante Dolly? Chinelo com escudo do Corinthians? Isopor recoberto de fita adesiva? Conversa idiota? É o caos, é o caos…

 


Quem tiver a resposta, por favor, estou curioso…

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Vale a pena ver (de novo?)

julho 24, 2011 em Diário do Pereba

Quem sabe, no futuro pode até virar uma categoria no blog. Vai depender de eu ter ou não saco prá ficar procurando essas coisas. Por enquanto, vai o primeiro. É antigo, mas continua atual e é de rolar de rir. Sem contar que eu, pessoalmente, fiz a cagada de casar duas vezes na vida. Credo em Cruz! Se arrependimento matasse (ou desse dinheiro, nunca se pensou nessa hipótese)…


______
Presta bastante atenção no vídeo Patty.

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Batismo bizarro

abril 24, 2011 em Na Geral

Tem tanto nome para batizar uma criança, mas sempre tem um ser que quer se destacar, ou melhor, fazer o filho se destacar nesse quesito. Sempre me perguntei:  “de onde vem tamanha inspiração? Diante de tanta bizarrice e criatividade para construir nomes (convenhamos que o povo brasileiro é perito nisso), foram selecionados 10 critérios que os pobres levam em consideração no momento de batizar seus catarrentinhos. Acompanhem.

ATENÇÃO: Desde já, lamento por aqueles que por ventura possam se sentir ofendidos, mas a culpa é dos seus pais.

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Compras Coletivas (para pobres) #9

abril 15, 2011 em Imagem do Dia

Você nem conseguiu montar seu time de futebol ainda e não tem mais ideia de nome para por nos seus ranhentos? Não perca mais tempo! Dá até para vender ideia para os vizinhos!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Compras Coletivas (para pobres) #8

abril 14, 2011 em Imagem do Dia

Turismo internacional? Agora você também pode! Prepare o seu RG e embarque nessa!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Compras Coletivas (para pobres) #7

abril 13, 2011 em Imagem do Dia

Presente de dia das mães? Ela vai amar estar em alto mar com o rei! Ou quase rei…

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Praia, sol, chuva e a final do BBB11

março 27, 2011 em Diário do Roger

Olá amiguinhos. Há tempos que não escrevo aqui no meu diário, estilo Doug Funnie, não é mesmo? Mas é porque o tempo está escasso. Tá pior do que achar Coca-Cola no deserto. Neste fim de semana sobrou um tempinho e fui para a praia, assim como todo pobre que consegue uma folguinha no final de semana. Como pobre pensa sempre igual, peguei aquele baita trânsito maldito na chegada a São Paulo, pois todo mundo pensou “hey, vamos pra praia na quinta-feira a noite”.

Enfim, cheguei ao destino: Guarujá. Achei bem estranho que o caminho que eu sempre faço estava fechado, então peguei um caminho alternativo, que podemos chamar de “bocada”. Como eu sou “espertasso”, pensei “não vou por aqui, não”. Dei meia volta e fiz um segundo caminho que podemos chamar de “bocada muito pior”. A sorte é que vi um carro parado e pedi informação. O cara só disse assim “que bom que você perguntou, nossa, Deus me livre de você continuar por esse caminho”. Cara, a maneira como ele falou, era como se eu estivesse na fronteira da Líbia. Fiquei com medo, voltei mais de 5 kilômetros e fiz o caminho dos mortais. Tudo acabou bem nesse dia.

Orgasmo vai... LEITE!

Mas sabe o que me incomoda no Guarujá (e em vários outros lugares) são aqueles garotos que olham carros. Aliás, os caras são bem organizados e faturam uma grana boa. Podia jurar que vi um deles comendo uma porção de camarão em um quiosque da praia, é sério. E já notaram como esses caras são rápidos? Você chega em um lugar e não vê ninguém. De repente, do nada, o cara aparece “aí, gente fina, posso olhar o seu carro”? Como se a gente pudesse dizer não, né? Mas o mais intrigante é a velocidade que eles aparecem na hora que você vai embora. Parecem uns ninjas. Você pensa “beleza, não vou ter que dar moedas pra ninguém dessa vez” e antes de terminar o pensamento o cara está lá. Há há há.

E amanhã é dia de pegar a batuta, votar na puta, ops, voltar a labuta. Então, voltamos com nossa programação normal.

BBB11.

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Sonzão da hora

fevereiro 15, 2011 em Vídeos Youtúbicos

Feito exclusivamente pra quem não tem grana.
Os Semi Novos – Eu Não Tenho iPhone.

Eu tenho um treco desses. Mas, além de fazer e receber ligações, e usar como despertador, eu não sei mexer com essa merda!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Como é que pode?

janeiro 28, 2011 em Imagem do Dia

Bem diz o ditado: “ter ciúme de mulher feia é como colocar alarme num Fiat 147”. O carrinho é tão à toa que qualquer um carrega. O problema vai ser na hora de descer a escada. Vai que qualquer neguinho que tá segurando a bagaça inventa de escorregar. Bom, em se trantando de Fiat 147…

Pra que tanta segurança? Ninguém vai ser doido de roubar essa coisa, mesmo!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Vírus: Pobreza

outubro 8, 2010 em Vídeos Youtúbicos

Prestem muita atenção nas pessoas com quem vocês andam e nos lugares que frequentam. O caso é muito, muito sério e pode se transformar em epidemia. Matar não mata, mas a recuperação é lenta e complicada e deixa o sujeito com sequelas pelo resto da vida. Cuidado, muito cuidado!

Novela também é saúde pública. Nem Drausio Varela explicaria melhor.

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print