Dia do contador

setembro 22, 2011 em Na Geral

22 de setembro. Hoje é o dia do contador. E como não poderia deixar de ser, aproveitamos para prestar nossa homenagem a essa classe digna e trabalhadora, mas apesar de tudo muito desvalorizada e desprestigiada, sendo considerada culpada por todas as multas que o fisco aplica aos comerciantes e industriais desse imenso Brasil e responsabilizada pelas falcatruas que esse mesmo povo apronta. Parabéns, e continuamos na luta.

Essas contas não fecham!

ORAÇÃO  DO CONTADOR

Sistema Contábil que estais no computador,

carregado seja o vosso programa.

Venha a nós o vosso balancete.

Seja gerada a ficha de lançamento,

assim no diário como no razão.

A contrapartida nossa de cada dia nos dai hoje.

Perdoais os nossos estornos,

assim como nós perdoamos quando há diferenças.

Não nos deixais cair em auditoria,

e livrai-nos da fiscalização.

Amém!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Oração da serenidade

setembro 16, 2011 em Na Geral

 

Senhor, dai-me paciência, pois se me der força, eu não respondo por mim.

Senhor, dê-me serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, a coragem para mudar as coisas que não posso aceitar e a sabedoria para esconder os corpos daquelas pessoas que eu tive que matar por passarem o tempo me enchendo o saco. Também, me ajude a ser cuidadoso com os calos em que piso hoje, pois eles podem estar conectados aos sacos que terei que puxar  amanhã.
Ajude-me, sempre, a dar 100% no meu trabalho…
          – 12% na segunda-feira,
          – 23% na terça-feira,
          – 40% na quarta-feira,
          – 20% na quinta-feira,
          – 5% na sexta-feira.
E…principalmente, ajude-me sempre a lembrar, quando estiver tendo um dia realmente ruim e todos parecerem estar me enchendo o saco, que são necessários 42 músculos para socar alguém e apenas 4 para estender meu dedo médio e mandá-lo para aquele lugar…
Que assim seja!!!

__________________________
Viva todos os dias de sua vida como se fosse o último.
Um dia, você acerta.

Luís Fernando Veríssimo

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

Segunda-feira

fevereiro 7, 2011 em Imagem do Dia

Ainda bem que são só cinco dias… a sexta-feira logo chega!

Pára com esse negócio de ficar querendo comer o meu rabo! Deixa eu terminar o trabalho, cacete!

Isso sim é que é incentivo! E não se esqueçam da cerveja da sexta-feira! É ela que move o mundo! Ah, junto com as porções de calabresa aceboladaqueijo, lógico! E mais a mulherada, que come o nosso dinheiro mais depressa que cupim!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print

A hora da desforra

janeiro 21, 2011 em Caqui Utilidade

A gente vive recebendo telefonemas de operadores de telemarketing que passam o tempo enchendo o saco dos outros, oferecendo seus incríveis produtos e promoções. Só que quando precisamos do atendimento deles, a coisa vira uma desgraça. Só faltamos arrancar os cabelos, de tanta raiva. Vejam abaixo um exemplo de como tratar esse povo.

Sua ligação é muito importante para nós!

Toca o telefone…
– Alô.
– Alô, poderia falar com o responsável pela linha?
– Pois não, pode ser comigo mesmo.
– Quem fala, por favor?
– Edson.
– Sr. Edson, aqui é da OI, estamos ligando para oferecer a promoção OI linha adicional, onde o Sr. terá direito…
– Desculpe interromper, mas quem está falando?
– Aqui é Rosicleide Judite, da OI, e estamos ligando…
– Rosicleide, me desculpe, mas para nossa segurança, gostaria de conferir alguns dados antes de continuar a conversa, pode ser?
– Bem, pode…
– De que telefone você fala? Meu bina não identificou.
– 10331.
– Você trabalha em que área, na OI?
– Telemarketing Pro Ativo.
– Você tem número de matrícula na OI?
– Senhor, desculpe, mas não creio que essa informação seja necessária.
– Então terei que desligar, pois não tenho a segurança de estar falando com uma funcionária da OI. São normas de nossa casa.
– Mas posso garantir….
– Além do mais, sempre sou obrigado a fornecer meus dados a uma legião de atendentes sempre que tento falar com a OI.
– Pois não, senhor… minha matrícula é 34591212.
– Só um momento enquanto verifico.
(Dois minutos depois)
– Só mais um momento.
(Cinco minutos depois)
– Senhor?
– Só mais um momento, por favor, nossos sistemas estão lentos hoje.
– Mas senhor…
– Pronto, Rosicleide, obrigado por ter aguardado. Qual o assunto?
– Aqui é da OI, estamos ligando para oferecer uma promoção, onde o Sr. terá direito a uma linha adicional. O senhor está interessado, Sr. Edson?
– Rosicleide, vou estar transferindo sua ligação para a minha esposa, porque é ela que decide sobre alteração e aquisição de planos de telefones. Por favor, não desligue, pois sua ligação é muito importante para mim.
(coloco o telefone em frente ao aparelho de som, deixo a música Festa no Apê do Latino tocando no Repeat (quem disse que um dia essa droga não iria servir para alguma coisa?). Depois de tocar a porcaria toda da música umas duas vezes, minha mulher atende:
– Obrigado por ter aguardado…. pode me dizer seu telefone pois meu bina não identificou..
– 10331.
– Com quem estou falando, por favor.
– Rosicleide
– Rosicleide de quê?
– Rosicleide Judite (já demonstrando certa irritação na voz).
– Qual sua identificação na empresa?
– 34591212 (mais irritada agora!).
– Obrigada pelas suas informações, em que posso ajudá-la?
– Aqui é da OI, estamos ligando para oferecer a promoção, onde a Sra tem direito a uma linha adicional. A senhora está interessada?
– Vou estar abrindo um chamado e no prazo de 72 horas entraremos em contato para dar um parecer. Você pode anotar o protocolo por favor… alô, alô!
Tú, tu, tu, tu, tu, tú…
– Desligou…. nossa, mas que moça impaciente!
Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print