Psicóloga Estressada – O Retorno

fevereiro 23, 2012 em Caqui Utilidade

Oi! Meu nome é… bem, não importa! Você que está lento isso é um anônimo pra mim e eu também serei pra você! Estou aqui pra sanar as suas dúvidas mais complexas, que para mim, na verdade, são dúvidas estúpidas. Na verdade, não gosto desse trabalho mas o Roger (dono dessa bosta de blog) me paga bem. Então vamos lá:

De: Carol
“ola sou carol e preciso de uma ajuda.
Tenho uma amizade com uma pessoa que dura a 13 anos ele ja tentou algo comigo mas sempre dei um fora agora nos distanciamos um pouco se vemos pouco so quando dar mas sinto a falta dele acho que sinto algo por ele alem da nossa amizade o que faço =[.. agradecida se poderem me ajudar”

Resposta:
“Amiga, Carol. Primeiramente você precisa de umas boas aulas de português. Acentuação, pontuação e coordenação são importantes, sabia? Pelo que vejo, você deve ser aquela menina gostosa que os rapazes querem pegar, aí fica com frescura, não dá pra ninguém e fica morrendo de vontade depois. Acertei? E você diz “acho que sinto algo por ele”. É claro que sente. Sente uma tremenda vontade de dar. Então dê logo pra ele ou darei eu. Espero ter ajudado. Grata”.


Está com problemas e precisa de ajuda? Escreva pra gente: participe@ocaqui.com.br e corra o risco de ser respondido, ter o seu o problema publicado aqui com os comentários jocosos da nossa psicóloga e ser zoado pelos colegas. Brincadeirinha. A gente não vai divulgar o seu nome de verdade… eu acho. E se você tem mais alguma dica pra nossa amiga Carol, fique à vontade, os comentários estão liberados. Aproveite!

Compartilhe essa bagaça:
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Tumblr
  • MySpace
  • Google Bookmarks
  • Print